Eu minto, tu Mentes e Eles Mentem!


Ás vezes a gente acha que a única saída é a mentira, mas será que é mesmo? Há alguns anos atrás, eu não era popular (até hoje não sou) e nem tinha amigos na escola e nem em lugar nenhum, e isso era muito triste para mim. Até que conheci uma menina muito legal que eu adorei o estilo, o jeito de falar, as coisas materiais que ela tinha, as suas fotos, via as redes sociais dela todos os dias e ela era perfeita. E então comecei a me "inspirar" nela, a me vestir como ela, a gostar das mesmas coisas que ela, na verdade eu quis ser aquela garota. E o melhor, ela virou minha amiga, e isso só foi crescendo, até que ela resolveu me dividir tudo que acontecia na sua vida, todas as ideias dela e eu estava achando aquilo um máximo, ela me falava tudo, as roupas que ela ia comprar, os lugares que ela pretendia ir, ela me contava tudo, ela realmente confiava em mim. Mas minha ganância foi maior, saí contando para todo mundo que todas aquelas ideias, gostos, estilo, popularidade e criatividade eram minhas, e as pessoas começaram a achar que eu era realmente era uma pessoa talentosa, criativa e única. E essa bola de neve só crescia, eu ouvia dela e contava para os outros como se aquilo tivesse saído da minha cabeça, mas eu sabia que não era, e isso corroía dentro de mim, era uma mentira que eu não sabia mais como controlar. Até que essa minha amiga começou um processo de afastamento, e eu não sabia exatamente o porque, e a cada dia o afastamento era maior e maior, até que resolvi 
perguntar o que estava acontecendo, ela cautelosamente me disse que tinha descobrido coisas sobre mim, que sabia que meu estilo não era aquele, meus gostos não eram aqueles, que eu não tinha aquilo que falava, que eu não era aquilo que dizia ser. Me disse que estava chateada, que eu nunca deveria ter mentido daquele jeito. Essa conversa me deu uma dor no coração, a única amiga que eu tinha, não seria mais. Foi triste, resolvi me colocar no lugar dessa menina, imaginei uma amiga que copiava tudo que eu fazia, que mentia ser quem realmente era, e vi que aquilo era a coisa mais ridícula que já tinha feito na minha vida, senti vergonha própria. Concertar aquilo seria difícil, mas não impossível. Fui pedir desculpas, acho que isso era a única solução, contei o porque daquelas atitudes e ela entendeu perfeitamente, disse que só por eu ter ido pedir desculpas já era uma coisa de se admirar. Até hoje somos amigas, e não preciso fingir ser outra pessoa pra ela me aceitar, ela sabe todos os detalhes da minha vida, sabe exatamente como é minha personalidade. Minha admiração por ela ainda continua, porque ela se destaca só por ter personalidade própria. Aprendi muito com isso, hoje me aceito do jeito que eu sou, as pessoas me aceitam, e é assim que vou em busca da felicidade. Pense bem antes de mentir sobre quem você é, porque de um jeito ou de outro a verdade aparece, e nem sempre pode ter um final feliz.

Postagem Relacionadas

13 Comentários

  1. achei muuito fofo teu blog *u*
    já to seguindo.
    Amei tudo, de verdade.

    http://sweetb-n-darkb.blogspot.com.br/

    beijos ;*

    ResponderExcluir
  2. Awnnnt!!
    Flooor eu nãão sou popular na escola
    (nem um pouco)!
    E queriia mto mto mto sser...
    Na escola eu sou do tipoo engraçada...que faz a turma riir...
    Mais nãão tenho mtas amiigas!!BUBU''

    bjoooos,Aniinha

    do-ladodeca.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Nunca me aconteceu isso, aconteceu uma coisa parecida que foi eu encontrar uma amiga, e achar ela perfeita, como você escreveu, mas depois aperceber-me que ela mentia-me e até hoje, é dificil perceber se ela me diz a verdade ou a mentira.
    Gostei do post :)
    Beijo
    O Mundo Com Moda

    ResponderExcluir
  4. Gostei do que vc escreveu e acho que todo mundo passa por isso em alguma fase da vida... a gente demora a realmente se aceitar do jeito que é.


    Beijão!

    izabellaniquito.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Nossa , esse foi profundo ...adorei e concordo com tudo :)

    http://evelynrestyles.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Na minha época de ensino fundamental, tive uma amiga que mentia o tempo todo sobre aspectos da vida dela pra impressionar as pessoas. Nós estudávamos em um colégio, sabe, cheio de gente riquinha e babaca. Então, eu sabia que era realmente difícil ser você mesma lá. Eu preferia ser a estranha que não falava com ninguém, mas mentir, jamais. Então, foi bem ruim lidar com isso porque eu gostava bastante dela. Hoje, somos velhas amigas, que se falam às vezes e mantem as aparências...
    Gostei do assunto desse post. É polêmico! hahaha Aqui continua lindo, como sempre. Adoro esse cantinho.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Li seu 'quem sou eu' e somos muito parecidas, eu também pretendo trabalhar na Vogue

    Hey, estou tentando ter 120 seguidores para lançar uma promoção imperdível, me ajuda seguindo lá?
    @littlepistols
    http://portifoliodasletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Nem preciso dizer o que achei, né? Simplesmente um texto plausível que demonstra que sempre há uma sempre há uma saída ou maneira de se redimir, basta reconhecer o erro, aceitar-se para depois querer que outro o aceite ^^
    Bjus

    ResponderExcluir
  9. Eu visitei um blog uma vez, e nossa a blogueira era super famosa, tinha leitores que a amavam, era perfeita.Tentei ficar igual a ela e só fui me decepcionando não dei valor aquilo que eu tinha, no final das contas todos me disseram que eu tinha que ser eu mesma e não outra pessoa, por que você conquista tudo de acordo com aquilo que você é.
    Na Flor da Idade | Tudo Sobre Photoscape

    ResponderExcluir
  10. Adorei o textinho, me fez refletir muito. :)

    Beijos; @Raah_Castroo
    www.vidaadegarotaa-vdg.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Adorei esse texto, mostra pra gente ser nós mesmo, eu antigamente também nem tinha amigos pois a minha timidez não deixava, agora que eu consigo me abrir mais, mas adorei essa historia :D
    bjinhos
    Conversando com a lua

    ResponderExcluir
  12. Adorei a redação, ficou muito bom, e é ótimo para algumas pessoas que fazem isso!

    ResponderExcluir
  13. super curti seu texto ^^
    s2hay.blogspot.com

    ResponderExcluir

Obrigada!!